Planos de assinatura: como criar e disponibilizar no seu negócio?

Para garantir uma receita estável e proporcionar maior conveniência aos clientes, muitos modelos de negócios estão optando por adotar a recorrência de pagamento. 

E por trás dessa estratégia, muitas empresas criam planos de assinatura para oferecer seus serviços e produtos. Mas isso não é algo recente. Há anos, esse modelo tem gerado receita para muitos negócios,alguns exemplos são as empresas de telefonia, editoriais de revistas e jornais, TV a cabo, e recentemente, os streamings.

Neste post você vai entender melhor sobre os planos de assinatura, como criar e disponibilizar esse modelo para receber pagamentos recorrentes de seus clientes.

Acompanhe!

O que são planos de assinatura?

Os planos de assinatura são um modelo de vendas onde os clientes fazem pagamentos regulares para acessar um produto ou serviço,seguindo a periodicidade acordada no contrato.

Atualmente, vemos cada vez mais produtos e serviços comercializados dessa maneira, como clubes de assinatura de diferentes produtos, serviços de streaming, produtos informativos e soluções de Software como Serviço (SaaS)

A criação de planos de assinatura traz vantagens tanto para os clientes, com uma maior conveniência, quanto para as empresas, que ganham previsibilidade financeira, controle melhorado e uma base de clientes mais fiel.

Como criar planos de assinatura que funcionam?

A criação de planos de assinatura para o seu negócio depende de estratégia. Ou seja, você precisa investigar e entender quais ofertas podem atrair clientes e também fidelizar os que já estão na sua base.

Para isso, separamos abaixo algumas dicas que vão te ajudar com isso:

1. Analise as necessidades dos seus clientes

Além da sua empresa, seus clientes também se beneficiarão dos seus planos de assinatura. Isso quer dizer que para criar planos de assinatura efetivos você deve começar pela compreensão das necessidades deles.

Busque entender fatores como:

Frequência de uso: Avalie com que frequência seus clientes consomem ou necessitam dos produtos ou serviços que você oferece. Isso ajudará a determinar a periodicidade ideal para os planos de assinatura.

Produtos complementares: Analise quais produtos ou serviços seus clientes costumam adquirir juntos. Isso pode revelar oportunidades para criar planos que ofereçam um pacote completo de soluções.

Valor médio gasto: Entenda o valor médio que seus clientes gastam ao longo do tempo. Isso ajuda a estabelecer preços adequados e a projetar estratégias de retenção.

Ao entender esses pontos, você estará em uma posição mais sólida para criar planos de assinatura que realmente atendam às necessidades dos seus clientes, aumentando  as chances de retenção e satisfação deles.

2. Crie seus planos de assinatura 

Existem muitas estratégias que você pode seguir para criar seus planos de assinatura. Abaixo separamos alguns passos para te ajudar no processo:

Determine a periodicidade: Para definir a periodicidade, você pode usar como base alguns clientes que já utilizam seus produtos ou serviços. Geralmente, os planos de assinatura mais comuns são planos mensais, semestrais e anuais.

Diferencie seus planos: Certifique-se de que cada nível de assinatura oferece benefícios exclusivos e diferenciados. Isso pode incluir acesso a conteúdo premium, descontos especiais, suporte prioritário, acesso antecipado a novos produtos ou serviços, entre outros. 

Considere um período de teste gratuito: Oferecer um período de avaliação gratuita é uma maneira eficaz de atrair novos assinantes. Isso permite que eles experimentem seus produtos ou serviços, avaliem seu valor e se envolvam antes de se comprometerem financeiramente.

Foque na retenção: Desenvolva estratégias específicas para manter seus assinantes satisfeitos, como fornecer conteúdo regular e exclusivo, oferecer descontos em renovações e criar programas de fidelidade.

Promova a renovação automática: Incentive os clientes a optarem pela renovação automática, oferecendo benefícios como descontos ou acesso antecipado a atualizações. Isso ajuda a garantir uma receita previsível e mantém os clientes engajados por mais tempo.

3. Defina o preço ideal para cada plano

Antes de definir o preço dos seus planos de assinatura, é importante saber que isso pode impactar diretamente na decisão de compra dos clientes. Por isso, nessa etapa, não tenha pressa e seja o mais estratégico possível.

Nós separamos alguns pontos que você deve considerar para definir preço para os seus planos de assinatura:

Custos e despesas de produção: Avalie minuciosamente os custos e despesas associados à produção dos produtos ou à prestação dos serviços incluídos nos planos. Isso serve como uma base sólida para a precificação.

Custo de aquisição de cliente (CAC): Leve em conta todos os investimentos necessários para conquistar um novo cliente, incluindo despesas de marketing, vendas e atendimento ao cliente.

Margem de lucro desejada: Determine qual a margem de lucro que você deseja alcançar com seus planos de assinatura. 

Valor agregado de cada plano: Considere o valor percebido pelos clientes em cada plano. Quanto mais valor agregado você oferecer, maior poderá ser o preço.

Valor do tempo de vida do cliente (LTV): Analise o valor médio que um cliente gasta durante o tempo em que permanece ativo. Isso ajuda a calcular quanto cada cliente pode contribuir para a receita ao longo do tempo.

4. Conte com a Abmex para oferecer planos de assinatura

Escolher um gateway de pagamento é indispensável para oferecer planos de assinatura no seu negócio. Por isso, estamos aqui para te ajudar!

A Abmex é um ecossistema de pagamentos completo para receber suas vendas online, com recursos projetados para o crescimento do seu negócio.

Em nossa plataforma, você pode criar seus planos de assinatura e cobrar os seus clientes de forma automática, tornando a sua gestão financeira mais simples e reduzindo os índices de inadimplência.

Além disso, você pode personalizar seus planos como preferir, definindo o tempo de cobrança e criando mais de uma forma de assinatura diferente.

Acesse o nosso site, faça o seu cadastro e aproveite todos os recursos do melhor ecossistema de pagamentos do mercado. 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
PostS RelacionadOs
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram

Menu